Vitória em dados

Maria Orthiz


O bairro começou a se formar no inicio dos anos 70, quando era apenas uma faixa de terra desocupada à beira do mangue. Caracterizado como Bairro dos Migrantes, teve sua origem no lançamento de lixo promovido pela PMV que foi avançando sucessivamente sobre o mangue. A área era conhecida como "lixão de Goiabeiras", pois a população era composta, basicamente, de "catadores de lixo" que retiravam sua subsistência da comercialização dele.
Nesta época, fazia parte da ação da PMV a urbanização de lotes já consolidadas em áreas de mangue, através de aterro. O bairro foi quase totalmente urbanizado com obras de drenagem e pavimentação, construção de equipamentos como praças, escolas e posto médico.Contudo, ainda persistia o grave problema das famílias que viviam em palafitas, sob os fios de alta tensão da ESCELSA, já nos limites do manguezal. Alertados através da imprensa dos riscos de vida que corriam essas famílias, a PMV decidiu já na década de 80 implementar uma política de desocupação da área.
Foram construídas, em outra área aterrada de mangue, 294 casas populares para as quais transferiram estas famílias. Atualmente, esta área é conhecida como Residencial Maria Ortiz.
Fonte: Diagonal Urbana, Projeto Terra,SEDEC / DIT / GEO


TV
TV
Ouvidoria
Denúncias
TV
Sala de imprensa
Lista dos assessores
Secretaria de Gestão, Planejamento e Comunicação / Gerência de Informações Estratégicas
Prefeitura Municipal de Vitória - Av. Marechal Mascarenhas de Moraes, 1927 - Bento Ferreira, Vitória, ES - CEP: 29.050-945 - Tel.: (27) 3382-6009